segunda-feira, 2 de outubro de 2017

PRAÇA DO VIEUX MARCHÉ - ROUEN


Finais de SETEMBRO 

é uma época em que adoro VIAJAR 

está o Outono já a espreitar, 

a Natureza oferece cores lindas 

e lá fui até França... 

na 1ª noite fiquei neste hotel

CAMPANILE HOTEL PARIS LA VILLETTE 

147/151 Avenue de Flandre Paris 

Depois de um repouso merecido, saí do hotel eram 17h 
e fui fazer o reconhecimento do lugar, 
como já habitual em todas as minhas viagens... 

pelas 20h 15m haveria um encontro com a Guia 
e os outros viajantes, para acertar horários, 
fazermos as apresentações 
e depois jantarmos às 20h 30m 

OK logo descobri que o grupo era formado por 27 espanhóis 

e eu, a única portuguesa...




Na manhã seguinte seria acordar às 6h 30m 

tomar o pequeno-almoço às 7h 15m 

e pelas 8h estar dentro do autocarro 

de malas já arrumadas na bagageira do bus, 

para seguirmos viagem até ROUEN 







Tivemos uma "Guia local" para andar connosco 

numa visita guiada, ainda a cidade quase dormia... 

havia poucas pessoas pelas ruas de ROUEN 




típico em toda a França, este modelo de carrossel 





Chegamos a uma zona central - a Praça do Vieux Marché, 

que é como quem diz, a Praça do Velho Mercado; 

esta praça é muito importante, 

pois foi nesta praça que Joana D'Arc foi queimada viva, 

no ano de 1431.





No local da sua fogueira foi construída uma Igreja

cuja maquette foi um projecto do arquitecto Louis Arretche; 

a beleza da igreja está longe de ser unânime, 

é inegável a sua originalidade, 

apresenta um contraste entre o antigo e o moderno. 

No próximo post mostrarei o seu interior.



sábado, 2 de setembro de 2017

VISITA GUIADA AO BORBOLETÁRIO



Começo este post com uma OBSERVAÇÃO 

sobre uma foto de minha autoria 

e, de seguida mostro as fotos que captei no Borboletário 

de São Domingos de Rana, propriedade da Câmara de Cascais. 

Como tem acontecido nas férias de outros anos lectivos, 

faço sempre os possíveis por levar os meus netos 

a passeios em que possam aprender algo 

e, este ano tinha na ideia esta "visita guiada" com eles. 

Finalmente aconteceu!




A visita começou com a teoria... 

qual a importância dos insectos, etc

e, logo ao início mostram-nos esta foto, 

de um tal André Karwath...

Porquê? pergunto eu...

Ok existem exemplos do que ele explica documentados 

com fotos e o nome de quem fez a foto... 

depois do que lá vi, tenho a certeza que a minha foto, 

a 1ª deste post, servia na perfeição 

para documentar aquilo que estava a ser explicado! 

Nunca irei perceber porque é que, em Portugal, 

usam e preferem fotos de "estrangeiros" 

quando cá também temos, 

quem faça fotos com o mesmo nível...

ou estarei enganada? 

... / ...

A visita estava marcada para o meio-dia! 

Várias pessoas entravam e saiam do Jardim 

onde as borboletas estão, pois é gratuito 

e no meio de duas dezenas de pessoas 

as únicas que estavam em visita-guiada 

éramos nós os três... os netos e eu! 

Paga-se 3,50€ 

e o moço andou 1 hora e meia connosco.





entrar no jardim e ver as borboletas voar 

de árvore em árvore nada ensina...

daí a minha escolha pela visita guiada e não me arrependi. 

Os meus netos ouviam e faziam perguntas, 

interessados que estavam... 

o meu neto recordou-se que já tinha aprendido 

na Escola sobre o "escaravelho do esterco"...








ainda na parte teórica ...
imagens de diversas espécies de borboletas, 
nunca tinha ouvido falar em borboleta-carnaval...

Mas, quando passamos para o Laboratório 

e nos sentamos a ver o que o moço mostrava,

 foi bem melhor... 

um prato cheio de lagartas esfomeadas; 

um prato cheio de borboletas congeladas; 

o meu neto ficou espantado, quando disse ao moço: 

elas estão no congelador?






uma surpresa - a borboleta-caveira...

o moço ia explicando apontando com a pinça verde 

Acheronthia atropos, da família Sphingidae é uma das maiores 

e mais pesadas borboletas que se conhece!

A explicação dos casulos e das crisálidas, tudo ao pormenor 

e nós escutando com atenção.





o meu neto estava impaciente quando passamos ao jardim, 

onde elas voavam e, não descansou 

enquanto não conseguiu que uma "monarca" 

lhe pousasse nos dedos... 

Ficou super feliz!



sábado, 19 de agosto de 2017

ARCOS DE VALDEVEZ




Dei um salto grande no calendário... 

e de Abril passei para Agosto; 

Sim, fui numas mini-férias com os meus netos e Pais, 

até ao Norte do País... 

Assim que entro em ARCOS DE VALDEVEZ 

deparo-me com esta bela paisagem...






estava tão concentrada a fazer estas fotos, 

que nem reparei que estava na zona da ECOVIA 

de ARCOS DE VALDEVEZ, 

só quando ouvi a buzinadela de uma bicicleta 

é que vi onde estava...






comecei a minha visita junto ao rio 

depois atravessei a rua e fui para as ruelas interiores 

onde encontrei este belo "Fontanário" 




ao dirigir-me ao "Posto de Turismo"

vi este "Grupo de Escuteiros" a consultar o placard digital 

que está no exterior do "Posto de Turismo" 

para ajudar quem precisa, nas horas que o mesmo 

tem as portas fechadas ao público.





...uma prioridade do meu filho 

era precisamente ir a "Praias Fluviais" 

e tinha esta na lista - PRAIA FLUVIAL DA VALETA. 



mesmo no CENTRO DA VILA

com águas cristalinas... 

que bem que se estava, com o calor que fazia! 




andando em redor do rio, descobri este barco atracado 

e lá fiz mais um click..



segunda-feira, 31 de julho de 2017

RUÍNAS DE TRÓIA e COMPORTA



No seguimento do post anterior, 

continuo pelo mês de ABRIL 

que foi um mês muito intenso de actividades. 

Estava planeado um passeio de FOTOGRAFIA 

às ruínas de Tróia! 

Lugar que nunca tinha visitado 

e que tinha curiosidade em ir explorar... 

principalmente, ver uma jóia do século IV-V 

a Basílica Paleocristã






Depois seguimos para a HERDADE da COMPORTA 

e, fomos visitar o Museu do arroz - fábrica de descasque do arroz




Com paisagens destas, 

é de ficar mesmo fascinada pela COMPORTA





É TEMPO DE PRIMAVERA E O AMOR ANDA NO AR, 

ATÉ AS CEGONHAS FAZEM AMOR...

depois da visita a Alcácer do Sal 

seguimos para a CARRASQUEIRA, 

onde o dia terminou, com o Sol a despedir-se de nós...




no caminho entre a COMPORTA e Alcácer do Sal, 

os campos estavam assim floridos...




uns dias depois, segui com uma Amiga 

para o Luso e Bussaco, onde captei estas imagens






Tudo isto aconteceu nos primeiros dez dias de Abril, 

mas ainda muitas coisas estavam para acontecer... 
(segue no próximo post)